Química

Cinética química (continuação)


Energia de ativação (Eat)

É a energia mínima que os reagentes precisam para que inicie a reação química. Esta energia mínima é necessária para a formação do complexo ativado.

Quanto maior a energia de ativação, mais lenta é a reação, porque aumenta a dificuldade para que o processo ocorra. Quanto menor a energia de ativação, menor a “barreira” de energia, mais colisões efetivas e portanto uma reação mais rápida.

Gráficos endotérmicos e exotérmicos para a energia de ativação

A energia de ativação varia de acordo com o tipo de reação química. Nas reações endotérmicas ela é maior do que nas exotérmicas.

                

Onde:

Endotérmico


Fonte: //luizclaudionovaes.sites.uol.com.br/enerat1.gif

Exotérmico


Fonte: //luizclaudionovaes.sites.uol.com.br/enerat1.gif